Category Archives: Nas Antologias

Nas Antologias

ANTOLOGIAS E COLECTÂNEAS

EM QUE ESTÁ REPRESENTADO

Arlington Quadro: Livro da Exposição Internacional de Poesia Concreta em Arlington Mill. Bibury, Gloucestershire (Inglaterra), 1966.

Experiência de Liberdade, org. de E. M. de Melo e Castro. Lisboa, Diabril, 1978.

Daqui houve nome Portugal: Antologia de Verso e Prosa sobre o Porto, org. de Eugénio de Andrade. Porto, O Oiro do Dia, 1983. 3ª ed., aumentada.

A Ilha dos Amores. Porto, Associação dos Jornalistas e Homens de Letras do Porto, 1984.

Olhos de Orfeu, org. de António Roberval Miketen. Porto, Associação dos Jornalistas e Homens de Letras do Porto, 1985.

Contos. Ilustr. de João Abel Manta. Lisboa, Ed. Caminho, 1985.

Rosalírica: Homenaxe de 27 Poetas portugueses a Rosalia de Castro, org. de Xosé Lois Garcia. Sada (Galiza), Edicios do Castro, 1985.

Bibliotecas: Memórias e mais dizeres, org. de Henrique Barreto Nunes. Braga, Universidade do Minho (Biblioteca Pública de Braga), 1988.

Poet’Arte 90: Poesia Madeirense, org. José António Gonçalves. Funchal, Imprensa Regional da Madeira,. 1990.

Uma pequena onda: 20 artistas 20 escritores, org. José Manuel Pavão. Porto: Hospital Maria Pia, 1991.

– O Natal na Voz dos Poetas Madeirenses, org. de José António Gonçalves. Funchal, Associação de Escritores da Madeira/Governo Regional da Região Autónoma da Madeira, 1991.

Um olhar Português. Fotografias de Jorge Barros. Lisboa, Circulo de Leitores, 1991.

Narrativas contemporâneas da Madeira/Récits contemporains de Madère. Ed. bilingue. Org. Thierry Proença dos Santos e outros. Funchal, Secretaria Regional da Educação, 1997. Inclui o conto Rua da Carreira, ocaso.

Fernando Namora: Encontros, org. de José Manuel Mendes. Mem Martins, Publicações Europa-América, 1997. 4ª ed.

A David (Homenagem do Pen Clube a David Mourão Ferreira). Porto, Ed. Limiar, 1997.

Episódios de um percurso : Seiva Trupe Teatro Vivo, org. António Rebordão Navarro. Porto, Fundação Engº António de Almeida, 1999.

Um grito por Timor. Porto, Associação dos Jornalistas e Homens de Letras do Porto/Inatel, 1999.

Fernando Fernandes: 47 anos de Divulgação da Leitura. Org. José da Cruz Santos. Pref. Dulce Andrade Aleixo. Porto, Campo das Letras, 1999. (Colab.)

Literatura Portuguesa  Brasileira Ano 2000, org. de João Almino e Arnaldo Saraiva. Porto, Congresso Portugal-Brasil, 2000.

Recomeço Límpido: No centenário de José Gomes Ferreira, org. de Óscar Lopes e outros. Porto, Sector Intelectual do Porto do PCP, 2000.

A Poesia está na Rua: 25º aniversário do 25 de Abril. Porto, Associação dos Jornalistas e Homens de Letras do Porto, 2000.

Ao Porto: Colectâna de Poesia sobre o Porto, org. de Adosinda Providência Torgal e outra. Lisboa, Publicações Dom Quixote, 2001.

Fernando Lanhas. Porto, Museu de Serralves/Asa, 2001. Idem, 2007, 2ª ed.

Identidades fugidias, org. José Manuel Mendes e outro. Guarda, Centro de Estudos Ibéricos, 2001.

Poeti contemporanei dell’Isola di Madera, org e trad. italiana de Giampaolo Tonini. Veneza (Italia), Centro Internazionale della Grafica di Venezia, 2001.

Antología del Cuento Portugués. Org. de João de Melo. Trad. castelhana de Mário Merlino. Madrid (Espanha), Ed. Alfaguara, 2002.

Albuquerque Mendes: Confesso, org. Vicente Todoli. Porto, Museu de Serralves/Asa, 2002.

Antologia do Conto Português, org. de João de Melo. Lisboa, Publicações Dom Quixote, 2002.

366 Poemas que falam de amor, org. de Vasco Graça Moura. Lisboa, Ed. Quetzal, 2003.

Encantada Coimbra: Colectânea de poesia sobre Coimbra, org. de Adosinda Providência Torgal e outra. Lisboa, Publicções Dom Quixote, 2003.

Dez contos com um livro dentro. Porto, Campo das Letras, 2004.

Crónica jornalística: Século XX, antologia de Fernando Venâncio. Lisboa, Círculo de Leitores, 2004. Inclui a crónica Eu, moço de fretes literário.

21 Retratos do Porto para o século XXI, coord. José da Cruz Santos. Pref. Eduardo Lourenço. Porto, d. Asa, 2004.

Carlos Casares: Os Amigos As Imaxes As Palabras, org. Xan Carballa e outro. Vigo (Galiza) A Nosa Terra, 2004.

– Guarda Livros Textos e contextos, org. António José Dias de Almeida. Gurda, Câmara Municipal da Guarda, 2004.

30 poemas para 30 anos de Abril, org. Urbano Tavares Rodrigues. Porto, Ed. Asa, 2004.

Contos fantásticos. Algés, Ed. Preâmbulo, 2005.

Contos Madeirenses, org. de Nelson Verissimo. Porto, Ed. Campo das Letras, 2005.

Son de Poesia, org. de Xoan Carlos Alberte. Lisboa, Ed. Fluviais, 2005.

– Nostalgia dei Giorni Atlantici. Antologia organizada por António Fournier. Tradução de Alberto Taddei e outros. Asti (Itália), Scritturapura Editore, 2005.

Carris de papel: O Caminho de Ferro na Literatura Portuguesa, org. Albert Von Brunn. Lisboa, Caminho, 2006.

Pontos Luminosos: Açores e Madeira – Antologia de Poesia do Seculo XX, org. Maria Aurora Carvalho Homem e Urbano Bettencourt. Porto, Ed. Campo das Letras, 2006.

– Zeca Sempre. Porto, Arca das Letras, 2006.

I. Díaz Pardo: Homenaxe galega. Coordenação: Rosa Méndez Fonte. Ed. A. C. Fuco Buxán, Ferrol (Galiza), 2007.

– A que Cuida: Poemas para Ana Maria Moura em homenagem a Eugénio de Andrade. Ilustr. Eugénio de Andrade. Porto, Modo de Ler, 2007.

– A Minha Palavra favorita, org. Jorge Reis-Sá- Lisboa, Centro Atlântico, 2007.

Adriano sempre, org. de Soares Novais. Porto, Ed. Arca das Letras/Centro Adriano Correia de Oliveira, 2007.

Óscar Lopes: Um homem maior que o seu tempo, org. José da Cruz Santos. Pref. Isabel Pires de lima. Matosinhos, ed. Câmara Municipal, 2007.

Mas o melhor do mundo são as crianças: Pequena antologia da Criança na Poesia Portuguesa, org. José da Cruz Santos. Porto, Ed. Modo de Ler, 2007.

Artistas retratam escritores que retratam artistas, coord. De Jose da Cruz Santos. Pref. de Jose Augusto-França. Porto, Modo de Ler, 2008.

– Papiniano Carlos: Para o teu aniversário mando-te um cravo vermelho! Porto, Modo de Ler, 2008.

– A Semente da Nación Soñada – Homenaxe a XL Méndez Ferrín. Vigo (Galiza/Estado Espanhol), Xerais, 2008.

Poesia12 – Dotzé festival de poesia de la Mediterrània, Mallorca, 2010. (10 poemas traduzidos em catalão).

Abril certo na hora incerta. Coord. Gabriela Marques e outros. Edição comemorativa do 36º Aniversário do 25 de Abril. Ed. PCP – Sector Intelectual do Porto, 2010.

As múltiplas vidas de um homem só: A biografia possível do pintor Henrique Silva, por Paula Alcântara Carreira. Porto, Ed. Árvore, 2010. Inclui o texto “Ao amigo e pintor Henrique Silva”.

– Abril certo na hora certa. Edição comemorativa do 36º aniversário do 25 de Abril. Porto, Sector Intelectual do Porto do PCP, 2010.

Leituras Soltas 3. Coord. António Barroso Cruz. Funchal, O Liberal/Fnac, 2010.